Nelson Perez

FOTOGRAFAR É PINTAR COM LUZ…
José Medeiros

FOTOGRAFAR...É COLOCAR NA MESMA LINHA DE MIRA...A CABEÇA, O OLHO E O CORAÇÃO.
Henri Cartier-Bresson

MEMÓRIAS DA MINHA TRAJETÓRIA NA FOTOGRAFIA

Comecei na fotografia em 1989, inicialmente no renascido O Povo e, após, fiz rápida e proveitosa passagem pelo O Dia. Mas foi no Jornal do Brasil a minha excelente pós-graduação em fotografia. Ali, aprendi, realmente, a ser um fotojornalista.

Já a passagem pelo Valor Econômico, desde a sua criação, despertou em mim a paixão pelos retratos!

Por derradeiro, afirmo que a Coordenação de fotografia do Diário Lance! Proporcionou- me a experiência que faltava na minha trajetória jornalística, a do esporte, e atualmente fotógrafo do Fluminense Football Club.

Minha entrada no fotojornalismo foi movida pela mesma paixão de qualquer jovem, em qualquer parte do planeta: mudar o mundo, mesmo que o nosso mundo seja o lugar em que pisamos. Esse mundo que não perdeu a magia, nem a energia criadora. Fotografar, como dizem os dois pensamentos acima, requer técnica e emoção; sem uma não se faz a outra. Buscar o exato momento de uma boa foto é uma ciência ainda obscura para todos nós. Saber o exato momento de “apertar o botão” está na cultura pessoal e social de cada indivíduo, sendo ele profissional ou “fotógrafo digital domingueiro”.

Continuarei nessa busca da exatidão. Mesmo que infindável essa procura é necessária... diria que imprescindível para um profissional completo, pleno!

Disse alguém – com muita felicidade - que uma imagem vale mais que mil palavras. Deixo a você, que me honra com sua visita, um pouco desse tempo que andei à procura delas.

O meu site estampa vários desses momentos. Apresento nele, ainda, um de meus últimos trabalhos um ensaio de nu artístico que teve uma reportagem na edição de dezembro passado da Revista Photo Magazine.

Se o meu portfólio for interessante para algum projeto seu, se a concepção de algum trabalho se encaixa nas minhas proposições, por favor, entre em contato.